Clique nas imagens dos artigos! Elas levam você para o site do artista que a criou e muitas
vezes tem assuntos relacionados ou outras imagens para expandir seus horizontes!

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Caminhada Esotérica - Luz Sobre as Trevas

Foto: Andy Ihnatko



Caminhada Esotérica


Muitas das pessoas que conheci nestes anos estão por aqui.
Muitas outras vieram, trazendo suas novas idéias e percepções.
Sou como chuva que volta a terra, e por isto vejo muitas sementes que germinam, crescem e dão frutos.
Desde 1986 tenho escrito em vários locais, do blog aos sites de revistas e é incrível como são tantos e variados temas. 

Em todas as áreas percebo o quanto a consciência e a busca de harmonia se fazem presentes.

Tecnologia, meditação, carreiras, emoções, atividades que fazem as pessoas criarem suas vidas, empresas, sociedades.
Tantos mundos num só universo. 

Acredito que sabedoria e bobagem pura estão tão próximas que dá para rir muito de vez em quando.
Deus é alegria.
Mas deboche é histeria.

Espiritualidade tem que ter alegria. Tanto quanto qualquer atividade pode ser vista pela ótica luminosa da evolução.
Mas também posso ser afiado como uma espada samurai, ao mesmo tempo que estou mostrando o caminho da luz.
As atividades são constantes nesta caminhada de toda uma vida.
A meditação, o ocultismo, a magia cerimonial, tarot, numerologia, shamanismo, a natureza, fazer música.

A caminhada se faz a cada dia e não adiantam os gritos dos que querem apenas escravizar os demais. 

Grito e arrogância é prova de incompetência, de falta de argumentos. E também pura falta de educação e respeito para todos. 
Tantas vezes escuto pregadores e supostos sacerdotes que parecem completamente histéricos, aos gritos apregoando ameaças e disparates. Isto não tem nada a ver com autenticidade, é apenas grosseria. 
É completamente diferente do que pode ser um discurso apaixonado e inflamado pelo fogo da verdade, com postura de voz adequada, mas sem cair no ridículo.

Mentir e falar mal, prejudicar pelas costas literalmente todos que lhe ajudaram, são apenas demonstrações de algo que não resiste ao menor argumento de Luz.


Os que sofrem, que estão presos por anos, nem imaginam o quanto uma única vela acesa em favor da Luz é capaz para desmascarar de vez a mentira e a falsidade.

Tantos vivem em altos e baixos. Buscam ajuda e anos e anos se passam, e nunca conseguem os resultados buscados. 
Que ajuda é essa que lhe oferecem então? 
Que coisa é essa que nunca termina? 
Quando parece que finalmente vai dar certo, misteriosamente algo dá errado. E ainda dizem que você é o culpado, ou o cachorro da vizinha, ou qualquer coisa.

Aprenda uma coisa: a pessoa quem passa dia e noite acusando tudo e todos pelos problemas que nunca terminam, está geralmente deixando bem claro o que faz as escondidas.

Acendam a Luz e mudem suas vidas!

Sob a Luz não se esconde a falta de caráter de quem tem até o descaramento de fingir receber demônios para assustar as pessoas e vender seus falsos feitiços. 
Demônios existem com certeza, mas ninguém estaria muito bem e rindo (da sua esperteza) apenas quinze segundos depois do que é uma das mais terríveis experiências da espiritualidade. 
É de se rir e muito com tamanha sandice! 
Tanto quando dizem que ninguém os ajudou ou que são "mestres" nalguma coisa que jamais estudaram e nunca sabem responder, apenas enganar. 

Engraçado como vejo as pessoas não se darem conta quando alguém "de repente" aparece do nada se dizendo especialista, perita pesquisadora, mestre, qualquer coisa assim, nalguma área que precisaria de muito anos e até décadas de intensa prática. Impossível fazer uma caminhada destas sem ninguém saber que algo está errado exceto quanto suas merecidas vítimas também escolhem o mal, a falsidade.
Quem se alimenta de mentiras, acostuma-se a recusar a verdade e continuam a sustentar sua própria miséria.

Não existem mestres instantâneos. Com ou sem dom de nascença. 
Muito menos alguém se faz na área espiritual nas costas do trabalho de outros. 
Em qualquer área. Os que tem algum verdadeiro dom de nascença, são obrigatoriamente os que mais tem que trabalhar. 
Pelé é um grande exemplo. Ele nasceu com um dom, mas teve que dar duro para aprender a usar e continuar praticando todos dias da sua vida. Na sua área, ele sempre foi o que mais treinou por toda sua vida. 


A caminhada da Luz é para os que buscam a Luz e trabalham por ela. 


Trabalho.

Citando um comentário oportuno de Rufus Opus, o que fazemos em magia em inglês é: "The Great Work". Traduzindo, O Grande Trabalho (A Grande Obra).

Portanto, é imediatamente falsa qualquer sugestão de realizar o Grande Trabalho sem que você trabalhe para isto. É muito trabalho a ser feito. 
Você pode aprender a meditar em poucos dias. Mas vai precisar praticar rotineiramente. 
Você pode vivenciar algumas experiências místicas nalgum trabalho de grupo, ou junto da natureza, ou ficando algum tempo numa comunidade que lhe permita um trabalho de imersão por algum tempo. 
Ou iniciar seu aprendizado em magia estudando os elementos da natureza, aprendendo como se acende uma vela com uma sincera intenção, fazer orações. 

Mas seja o que escolher fazer, vai precisar continuar a estudar e praticar.

Por exemplo, se você quer ser médico, e digo, um bom médico, vai ter que estudar e praticar quase uma década inteira e dedicar quase todo seu tempo para isto.
E quando se formar, digamos, após uns oito anos de estudo, o novo médico será considerado um novato, alguém que finalmente deu os passos necessários para estar autorizado a começar o seu trabalho e ter o mérito mínimo para isto. 
É assim em qualquer outra área e muito mais nos estudos ocultistas, na espiritualidade e na magia.

Não existe mérito sem trabalho. Ter mérito significa se esforçar para pelo menos fazer muito bem feito o que se escolheu. Alguns vão se esforçar e conseguir grandes méritos. São os que vão além do lugar comum. E destes, uns poucos conseguirão atingir várias vezes os resultados dos grandes méritos. E sómente estes poderão alcançar a glória

Glória, é o resultado de muitos grandes méritos, que adequadamente trabalhados, permitirão o nível mais alto. Muito trabalho duro. Se alguém receber a glória como meta de vida, isto significa que deverá começar a fazer as coisas por si mesmo, pois a meta significa o trabalho intenso e dedicado de forma verdadeira por toda uma vida.


Podemos fazer uma comparação que muitos vão entender: os pilotos da Fórmula Um. 
Temos grandes pilotos que se destacaram. Veja, saber dirigir um automóvel não tem nada demais, é apenas cumprir com um aprendizado e fazer o básico. 
Mérito, é se tornar um ótimo motorista profissional e saber usar o veículo com segurança para todos e com isto, ajudar os demais, por exemplo, ser um motorista de ônibus responsável e competente. 
Para ser piloto, são necessários outros méritos. Cuidar de seu corpo e mente, conhecer mecânica, lidar com estratégias, ser um bom colega de equipe. 
Tudo isto são muitos méritos individuais que vão sendo somados. Alguns destes pilotos vão trabalhar duro e se tornar campeões em diversas categorias. Entende isto? Vencer um grande campeonato pode ser um mérito verdadeiro. Eu disse "pode ser". Talvez não seja. O campeonato foi junto a concorrentes valorosos? Demonstrou suas boas qualidades e usou ao máximo seu aprendizado? Mas se houveram grandes desafios, o que é apenas mérito pode então se tornar um grande mérito. Captou isto? 
E o piloto pode continuar acumulando grandes méritos e chegar até uma destas equipes de ponta. Enfrentar os melhores do mundo. E continuar tendo que trabalhar duro todos os dias, se aprimorando, revisando e cuidando desde os aprendizados mais básicos. 
Repito, os passos mais básicos não deixam de ser necessários. E por quê? Simplesmente porque ser um piloto de Formula Um não lhe dá o direito de não precisar prestar atenção ao trânsito, ao pedal do freio ou saber usar os espelhos (o mais básico de tudo). Um grande Chief de cozinha por acaso deixa de experimentar a comida ou de cortar ele mesmo os ingredientes? 
Estes, que fazem dia a dia o trabalho, algum dia terão tantos grandes méritos que poderão receber a glória.
Veja Ayrton Senna. Ele atingiu a glória em vida. Mas quantos grandes pilotos da Formula Um, mesmo alguns que são grandes recordistas não conseguem tanto? Algo faltou. Trabalharam duro e tem grandes méritos inquestionáveis. Mas continuam sendo questionados mesmo sendo muito bons em tantas áreas. Para alguns falta o coração no que fazem. Para outros, a humildade. E muitos, na verdade poderiam ter feito muito mais, deveriam ter construído um império e se conformaram e fazer apenas o básico (mesmo na Formula Um).
Mesmo a verdadeira glória tem seus caprichos e só aqueles que se dedicarem verdadeiramente descobrem seu mistério que só virá quando se vai até o mais alto pico da existência pessoal. 
Basta olhar quantas estátuas e nomes de grandes avenidas existem por toda parte, mas ninguém sabe quem é. 


Não adianta botar nome no trabalho de outros. É fácil ficar no sofá todo dia fazendo propaganda, até contratar marketing, mas um dia as pessoas vão perceber quem é que trabalha, de quem é o mérito. E a própria vida vai cobrar isto. Quem é que se atreve a dar-se títulos que não possui? 
Muitos se intitulam grandes mestres e são como o tolo que leu um livro barato e se proclamou o maior lutador do universo. Certamente logo vai dar de cara quem sabe, até com o próprio Chuck Norris.
Para estes, quem trabalhar geralmente todos os outros e não quem grita e só tenta se auto-promover. 

Mas o mérito só vem do trabalho verdadeiro. Mesmo os mais cruéis governantes da história que mantinham seu posto pela força apenas, foram derrubados pelos desafios mais simples. Nenhuma árvore cresce ao ponto mais alto sem raízes verdadeiras. Pode ser sustentado por algum tempo por estacas, mas estas também vão apodrecer.
Toda tirania é desmascarada pela sua própria cobiça e maldade.

O aprendizado e a prática tem que ser verdadeiros, e não podem ser tomados.
Os que te mandam calar, normalmente tem apenas medo de que os demais descubram que tu tem razão, de que fala a verdade.

A escuridão só se alimenta sugando tudo ao seu redor. 

Mas a escuridão se acaba na mais singela chama.
Um fósforo, uma vela sincera, num local seguro na tua própria casa, sem intermediários entre você e Deus, o Criador, o Universo, as Grandes Forças da Luz.

Questione suas fontes sempre! Questione você mesmo duvide de forma saudável e busque aprender o por que das coisas.


Quer saber quem sou? Pergunte a alguém idôneo. Alguém de visão verdadeira, um ótimo leitor de tarot, ou alguma entidade comprovadamente verdadeira (e não apenas show).
Pergunte se falo a verdade.

Então pergunte se estes vendedores da escuridão, que te cercam de todas maneiras, como se fossem íntimos amigos, te ajudam ou se são a verdadeira fonte dos teus problemas.

Quem se orgulha tanto de praticar o mal, está avisando a todos que nunca será bom para ninguém.


A caminhada é de cada um. 

Buscas a sabedoria? Buscas o Amor? Buscas a Harmonia?

Pessoas e empresas repito sempre, são organismos vivos.

Estamos num universo imenso, maravilhoso e misterioso.

Os que buscarem a Luz, estão convidando essa Luz a preencher suas vidas.

Estou trabalhando, cada dia, cada noite.

Vamos em frente, rumo ao universo.

.'.


Gilberto (Prabuddha)

07 de Fevereiro de 2012 em complemento ao original de Março/2006.

1 comentário:

Luz13 disse...

Oi, gostei muito do blog. Lembrei-me do Programa De Olho no Mundo(www.deolhonomundo.com), de Aline, da Cidade das Pirâmides, que diz: "Ser de luz é viver na luz com atitudes, palavras e pensamentos".Abçs.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...