English readers and other languages: Many posts are in portuguese, you can use the Translate button at left side.

Clique nas imagens dos artigos! Elas levam você para o site do artista que a criou e muitas
vezes tem assuntos relacionados ou outras imagens para expandir seus horizontes!
Mostrar mensagens com a etiqueta Educação. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Educação. Mostrar todas as mensagens

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Trilhas de Árvores e Ambiente Mais Sadio

Foto: Robert Crum

Meu comentário na Revista Amanhã: A escassez é de água ou de planejamento?

Meu Comentário:

Açudes são boa idéia principalmente se chover.

Melhor com algumas árvores para evitar a erosão e TAMBÉM para bloquear o vento.

Simples fileiras de árvores na beira das estradas, ajudariam e muito.

Não precisa de nenhum patrocínio do governo. Basta ter um pingo de boa vontade dos pequenos aos grandes.

Faixas de mata no meio de imensos campos torrados pelo sol ajudaria muito todo o sistema natural.

Não precisa discurso de eco-chato.

Aquelas lindas estradas arborizadas no interior da Europa não são para bonito.

É só usar o CÉREBRO, uma coisa que tem dentro da cabeça, geralmente ignorada pois ficam esperando que o governo faça tudo.

Não precisa de projeto megalomaníaco.

É só pegar mudas e sementes diversificadas, de preferência de espécies nativas da região e plantar.

Uma coisa muito simples é ir plantando as sementes das frutas. Aliás, de qualquer árvore. E se tiver mudas, melhor.

Não precisa esperar. Saiu pelo campo? Leve frutas para comer de lanche e plante as sementes!

Ou guarde sementes diversificadas e vá plantando perto de riachos e fontes de água e nas beiradas das estradas que são locais que geralmente não são usados para agricultura e vão fazer MUITA diferença logo mais.

Saiu para viajar? Que tal ter sempre um saquinho de sementes e parar por alguns minutos na beira da estrada para descansar, espichar as pernas, apreciar a paisagem e plantar algumas árvores ali mesmo?

É fácil e mais rápido que muitos projetos que tomam anos e anos.

Se eu tiver que explicar mais fica chato.

Vai valorizar e proteger as terras e melhorar MUITO a qualidade do ambiente.


Editao: Aproveito a sugestão do amigo Ricardo Tolomelli, para indicar um vídeo, uma bela alegoria, sobre um homem que sózinho, reflorestou um deserto:

"Esta animação delicada e única, vencedora do OSCAR® de filme curto de animação, é um tributo ao trabalho árduo e à paciência.
Conta a história de um homem bom e simples, um pastor que, em total sintonia com a natureza, faz crescer uma floresta onde antes era uma região árida e inóspita. As sementes por ele plantadas representam a esperança de que podemos deixar pra trás um mundo mais belo e promissor do que aquele que herdamos." 




.'.
Leia Também:

Além de embelezar e alegrar o coração, protegem a propriedade.
.Foto: Lars Van de Goor

 .'.

Leia outros artigos relacionados clicando nas tags abaixo:

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Saúde e Educação Não São Culpa Só do Governo. É de Todos.

Boa parte do problema de saúde é falta de educação, nos dois sentidos.

E não tem nada a ver com o nível sócio ecnômico das pessoas. Ricos, pobres, não tem muita diferença quando se fala em cuidar do que é coletivo.

Por exemplo, conheço gente que tem o pátio eternamente cheio de lixo, com água parada em todo tipo de objeto, por tudo quanto é lado.
Tem piscinas de água tão suja que até os mosquitos preferem outro lugar!

Não é falta de instrução, é puro relaxamento mesmo.

Em comunidades mais pobres, a coisa é mais aparente porque os mais ricos, costumam pagar para que outro resolva o problema. Atiram lixo pela janela tanto quanto os demais. Só que pagam alguém para andar atrás deles limpando suas sujeiras.

Quem pode, paga alguém para levar a culpa.

Alimentar-se mal, não saber noções de higiene, cuidados básicos com a casa e o lugar onde vive.

Até lavar as mãos de vez em quando é um costume pouco comum. De vez em quando? Sujou lavou!

Educação se aprende em casa, mas infelizmente, cada vez mais as pessoas pensam que é problema da escola. Deixam de ser pais e jogam a culpa nos professores. E mais tarde, quando algum traficante assume o papel dos pais, reclamam do governo, da escola, de todo mundo, menos de si mesmos.

Boa parte das filas que tem nos postos de saúde e hospitais, devem-se a carências pessoais, a pessoa está frustrada e vai no posto para reclamar da vida com todo mundo que encontrar pela frente. E acham ruim quando se constata que é uma simples gripe ou alguma dorzinha que teria bastado uma aspirina ou uma pomada para contusões.

Pessoas que chegam com crianças literalmente sujas. Não porque tenham sofrido um acidente e precisaram sair correndo. Falta de banho mesmo.

E os coitados dos professores, tentam ensinar alguma coisa e levam agressões de crianças mal educadas por todo lado. Está proibido repreender os alunos sem correr o risco de um processo por parte justamente destes pais (de todas classes sociais) que jogam a culpa deles mesmos contra a escola. E se um destes marginais em treinamento agridem um professor, quem tem medo é o professor. O marginalzinho sob as bençãos de um bando de retardados de algum serviço público, fica impune. Ah sim, claro, não é culpa dos que inventaram os regulamentos. Lembram o que escrevi acima sobre jogar a culpa nos outros?

Não cogito voltar a lecionar numa condição destas, se bem que sempre fiz de tudo para dar aulas apenas para adultos.

Verba para a saúde precisa sim, mas de que adianta instalações e equipamentos modernos, se os próprios profissionais que vão trabalhar lá muitas vezes são estes mesmos maus alunos, maus filhos, maus cidadãos?

Conheço uma enfermeira que a casa dela parece quase um chiqueiro. Tá certo que os filhos aborrecentes ajudam, mas poderiam ter um pouco mais de disciplina, se a quantidade de problemas familiares não ajudasse a acobertar o resto.

E falando em instalações, a gente sabe que as compras públicas tendem a ser questionáveis, afinal, escolher produtos usando o critério de menor preço sem considerar a qualidade, é ultrajante. E como o equipamento e instalações não são cuidados minimamente, é comum vermos postos, hospitais e escolas, literalmente em estado deplorável.

Olha, colocam na TV imagem de prédios e instalações em condições lamentáveis. Mas de cara o que mais vejo, são coisas que parecem ter passado por uma guerra, literalmente depredados. Pelo jeito, portas são abertas aos pontapés ou com um pé de cabra nas dobradiças.. Vidros internos quebrados como se tivessem praticado tiro ao alvo usando as cadeiras do escritório. Gavetas cheias de porcarias que mais parecem uma latrina.

Puro relaxamento com o que é seu, reflete-se em total desleixo com o que é coletivo. Sejam suas coisas, sejam seus próprios filhos.

Fazer um monte de porcaria é fácil

Díficil é ser responsável por si mesmo sem ficar jogando a suas próprias culpas nos outros.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Cada povo tem o governo que merece?

Cada povo tem o governo que merece?

Essa frase lembra que quando criança era muito falada no tempo da ditadura militar.
Eu escutava com frequência alguém dizer (falando sobre o povo): "povo burro tem o governo que merece".

Sempre me lembro de pessoas ligadas daquele governo dizendo isto para justificar seus atos. E pessoas que não eram ligadas ao governo também, muitas vezes para justificar sua própria impotência.


Pergunta: Estariam errados?


Infelizmente a palavra escrita não tem a tonalidade da voz.

Mas eu sempre escutei isto ser falado da mesma maneira áspera que escuto até hoje pessoas (que se dizem humanas) falando:

-Essa negrada tem mais é que apanhar...
Ou
-Esses índios têm mais é que apanhar...
Ou
-Mulher tem que apanhar mesmo...
Ou
-Essa cambada de músico são todos uns vagabundos...
Ou
-Esses (Escolha a categoria) merecem (descarregar todo desprezo e preconceito).

Etc.


Pergunta: Estavam errados?


Acho que sim.

E acho que ainda estamos errados.

Se por exemplo, você é professor, terá alunos que não sabem a matéria.

Imagine um adulto ensinando crianças no primário. Ele, como adulto, tem mais visão e, portanto, responsabilidade por aquelas crianças. Elas não são "burras", falta-lhes da idade. Nem são ignorantes. Estão num caminho de aprendizado, de alguma forma.

Então, é possível, em minha opinião, que não seja a falta de suficientes informações para que o povo escolha.
O que está errado é o próprio sistema de escolha.

Vejam, as pessoas tendem a votar em ídolos, pelos quais tem alguma admiração, de alguma forma. O que elas veem, é o que conseguem alcançar. Como as crianças que vão ter um limite de percepção.

A responsabilidade não pode ser cobrada ao povo, que é enganado com um sistema que pode ser facilmente manipulado.

A responsabilidade é dos demais candidatos, assim como as pessoas mais instruídas e evoluídas, que tem uma visão mais abrangente e, portanto, tem um entendimento maior do que se passa. Ditadura das classes intelectuais? Não creio também. É necessário que cobrem efetivamente entre si, os méritos para assumirem estes cargos.

Onde estão os conselhos, os grupos dos mais velhos das antigas tradições, o circulo dos sábios?

São muitos dos supostos governantes que fazem o povo passarem o papel de burros. É como oferecer alguns brinquedinhos quaisquer para uma criança passar o tempo, e deixar escondido o melhor na cozinha.

As pessoas são boas, cada uma a sua maneira.

Trate as pessoas com respeito, de acordo com seu nível de evolução e descobrirá um universo amplo dentro da nossa cultura que fica restrito as pequenas localidades e vizinhanças.

Mudar isto dá trabalho, porque na prática, uma pessoa só pode mudar a si mesma, pela decisão de querer mudar. E cada uma que muda, é como uma pequena luzinha para as demais, que também, nalgum momento decidem mudar, gerando um efeito em cascata multiplicador.

Mude a si mesmo e mudará o mundo.

Acenda luzes.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Apedrejamento - Manifesto

É tão pervertido que especifica o tamanho das pedras e quanto
do corpo deve ficar de fora, para que o sofrimento dure mais.

As notícias sobre uma mulher que foi condenada a morte por apedrejamento no Irã, são pelo menos, a chance desta mulher ter uma morte menos violenta nalgum outro momento, ou como é comum de acontecer, simplesmente desaparecer.

Tento entender, como o islamismo, uma religião que tem nos seus escritos sagrados, algumas das mais belas palavras sobre a vida humana, tem dentro de si, tamanha crueldade e barbarismo.


Animalesco é o mínimo que posso pensar sobre tais atitudes. Mas observando um pouco mais, pelo tamanho da reação que certos assuntos causam naqueles povos, a coisa mais parece uma imensa aberração sexual, típica das maiores perversões.

As leis de cada país a muito deixaram de ser apenas coisas resolvidas a portas fechadas.

O mundo todo está em comunicação, e as pessoas não aceitam mais coisas como comprar produtos feitos pelo trabalho escravo, ou sentar-se a mesa de alguém que acha normal ficar mais de uma hora jogando pequenas pedras, para aumentar sadicamente o sofrimento de um apenado.



Homens e mulheres sofrem semelhante bárbaro e covarde martírio.

O Cristianismo, através da Inquisição praticou algumas das maiores atrocidades já vistas.

A culpa não é do estado se a religião é quem dita as regras.

Que mundo viveremos logo adiante?

Que mundo semeamos para nossos filhos?

Apedrejamento é uma ação tão pervertida quanto a pedofilia.
Covarde, cruel, bárbara, animalesca, primitiva e sub-humana.

Somos cidadãos do mundo, podemos dizer que buscamos uma vida honrada, ou apenas passamos um dia após o outros, inventando estórias para esconder nossos defeitos?

Alguns sites sobre o assunto, com textos e vídeos, inclusive de dissidentes. Opiniões políticas a parte, leia, olhe, pondere e chegue as suas próprias conclusões.

Atenção: os vídeos e imagens são realmente fortes.

Video of Stoning to Death 

6 Muslim Countries Inflict Death by Stoning

Afghan couple stoned to death by Taliban after their families turned them in when they tried to elope


Mais imagens no Google

.'.

Leia outros artigos relacionados clicando nas tags abaixo:

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Papercraft - Montagens com papel


Prayer 
Wall Mounted Papercraft
Artista: Taras Lesko - Ukrainia


Para quem gosta de "papercraft" (arte em papel), ou simplesmente, criar miniaturas, brinquedos, etc usando papel, alguns sites legais:

Papercraft World


Papercraft Square


Mundo Papercraft


Visual Spicer.com


Star Wars X-Wing papertoy


.'.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...