Clique nas imagens dos artigos! Elas levam você para o site do artista que a criou e muitas
vezes tem assuntos relacionados ou outras imagens para expandir seus horizontes!

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Boa idéia: Cachaça 51 tira concorrente do mercado europeu


Produtos parecidos nem sempre são a mesma coisa.

Conforme matéria publicada no Conjur, a  Companhia Muller de Bebidas, fabricante da Cachaça 51,  conseguiu que fosse cancelado o registro na Europa da marca de aguardente também brasileira 61 A Nossa Alegria, devido a semelhança das marcas.

Meu comentário:

A infestação de produtos "parecidos", em praticamente todas as áreas, é um dos grandes problemas para o consumidor. Embalagens semelhantes e nomes parecidos, mas para produtos de qualidade e quantidade diferentes, são verdadeiras arapucas para o consumidor.

Fazem anúncios comparando preços, por exemplo, mas não contam que o conteúdo é menor, ou que precisa o triplo do produto para ter um resultado ainda inferior.

As gôndolas dos nossos mercados estão lotadas de arapucas, fabricadas por empresas que preferem o comodismo de tentar imitar os líderes, ao invés de buscarem seu próprio nicho de mercado pelas suas próprias habilidades.

Tenho certeza de que muitos produtos poderiam ser melhor vistos no mercado se fossem apresentados de forma mais autêntica.

É rídiculo um produto projetado para ser de alto consumo, custo baixo e qualidade dentro de um certo padrão mais baixo, ser comparado com outro feito para um mercado mais caro ou sofisticado.

E claro, temos vários produtos que se enquadram numa certa faixa, mas ainda, terão suas características próprias. Não existe um gosto único para tudo, assim como a expectativa de resultados é diferente de acordo com o consumidor.

Tem lugar para todos na minha opinião. Quem não é o melhor, pode ser o mais vendido.

Por exemplo, conheço pessoas que preferem detergentes líquido mais aguados (e mais baratos), simplesmente porque costumam colocar uma quantidade enorme na esponja. Não adianta trocar a marca, é um costume que preferem manter. Atitude desleixada, mas é uma escolha pessoal e isto já entra noutros problema, a educação e cultura do desperdício.

Voltando aos similares parecidos demais, lembrem, nem todos tem dinheiro para comprar bebidas importadas, mas ficam satisfeitos com uma sincera e bem feita bebida nacional.

(Ver  matéria original)


Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...