English readers and other languages: Many posts are in portuguese, you can use the Translate button at left side.

Clique nas imagens dos artigos! Elas levam você para o site do artista que a criou e muitas
vezes tem assuntos relacionados ou outras imagens para expandir seus horizontes!

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Será que mesmo não vendo Deus existe?

Alguém pergunta: "como negar a existência de um ser superior, sendo que sabemos da existências de milhões e milhões de pessoas sem ao menos termos conhecidos todas?"

Vejamos

Só porque não se conhece algo, não se pode negar que exista.

Mas não se pode afirmar que algo exista porque não se sabe da sua existência.

Neste caso, resta a dúvida, o questionamento.

Pela observação, experimentação, questionamento pode-se chegar a , que é a crença nalgo que não se vê, mas confia-se estar lá.

Pelo mesmo caminho, chega-se ao fanatismo, quando deixamos de questionar, de experimentar, de observar.

A própria natureza é mutável, estas milhões de pessoas são mutáveis, então por que Deus seria constante, senão uma manifestação de continuidade, em que até a não existência é possível?

Quantidades não são suficientes. Mas consciência sim. Manifestações de inteligência em grande escala, como por exemplo, que faz com que uma floresta regenere-se atuando em seu ambiente por gerações, caso não seja dizimada pelo ser humano é claro, é uma forma de manifestação de algum nível de consciência.

Os exemplos são inúmeros.

.'.

P.O.P.: Partido do Ócio Popular

Ainda vou conseguir aliados para fundar o P.O.P. e concorrer ao senado!

Foto: BilleNoire


P.O.P.

Partido do Ócio Popular


Todos os candidatos preocupam-se com emprego, saúde, economia, legislação, segurança.

Mas seremos o autêntico partido a se preocupar com o ócio, o lazer da população.

Dedicaremos integralmente nossos esforços para a melhoria da qualidade do lazer, do repouso e mesmo, da cultura do nosso povo.

Vamos promover e estimular feiras, quermesses, shows, apresentações de todos os tipos de arte!

Pintura, escultura, música, dança, teatro, cinema, festas populares e manifestações regionais.

Cuidaremos para que existam bons lugares para se passear.

Melhores parques, urbanização de praças e áreas de lazer.

Estimularemos o turismo apoiando eventos em todo país, que divulguem nossa cultura e ofereçam aos cidadãos, o lazer que todos merecem após o trabalho.

Queremos que em todas as cidades existam diversas opções de lazer.

Toda semana deve ser de alegria! Toda semana queremos opções para que todas as pessoas, adultos, adolescentes e crianças possam se divertir de forma sadia, recarregando as suas energias, estimulando uma melhor qualidade de vida.


Os demais partidos estão preocupados em lhe dar emprego. Nós estamos preocupados em que vocês tenham melhor lazer.

Os demais partidos estão preocupados em cuidar da sua saúde. Nós estamos preocupados em lhes dar qualidade de vida!

Os demais partidos estão preocupados em construir indústrias. Nós estamos preocupados em dar condições para todas as artistas terem o melhor material de trabalho, locais e condições dignas de atividade, seja profissional ou não!

Os demais partidos (e muitas igrejas) querem que você esteja saudável para trabalhar. Nós queremos que você desfrute dos frutos de seu trabalho!

Queremos que todas as cidades tenham locais para shows, apresentações, feiras, exposições.

Queremos até estimular para que cada estacionamento de supermercado, shopping center, praça, etc. seja um local em que até nossos artistas, estreantes ou não possam ter um palco aonde se apresentar.

E claro que o comércio e a indústria também fazem parte de nossa proposta. Precisamos de boas fábricas e estrutura comercial para participar ativamente em todas as áreas.

Praticamente todas as linhas empresariais e autônomas serão beneficiadas!


Queremos que cada praça tenha um palco ou mesmo, uma mini concha acústica decente para apresentações!

Diversão para o povo!

Diversão para todos!


Trabalho e saúde são importantes. Mas alegria e diversão são fundamentais para a vida!



Alegria para Todos!

Vamos viver com mais alegria!

Vamos viver melhor!

Vamos aproveitar a vida!

Vamos ser POP!!


Vote: Gilberto Strapazon
(Quem sabe algum dia, o seu candidato ao Senado).

.'.


Alegria é um direito fundamental para todos.
Foto:
©Tristan Savatier (Loupiote)



.'.
Leia outros artigos relacionados clicando nas tags:
.'.

sábado, 28 de agosto de 2010

Há algo no universo que não se movimente segundo um plano?

An Eggbert love affair...
Foto: Vanessa Dualib


Há algo no universo que não se movimente segundo um plano?


Vejamos: este universo, é tido como mantido justamente pelo que alguns chamam de leis universais (pomposo né?), ou harmonia cósmica, ou equilíbrio das polaridades, ou... Se começarmos por aí, veremos que tudo tem seu equilíbrio, seu correspondente.

Então lembramos que existem várias dimensões. É sensacional, cientistas até já especulam como poderiam ser as formas de vida da 11a. dimensão! E ao mesmo tempo, mal sabemos sobre tantas formas de vida desconhecida em nossos oceanos!

Se a harmonia, o equilíbrio, a entropia, são aspectos relevantes, então, creio ser válido pensar que, o próprio equilíbrio é a outra metade da laranja, digo, complementa o desequilíbrio.

Então teremos o caos, que é citado desde a Gênese da bíblia cristã e talvez na maior parte das demais religiões.

No início havia o caos. Uma abordagem, é de que a partir do caos, teremos a primeira manifestação, e depois a polaridade.

A cabala hebraica fala disto, ao falar do 000, do 00 e do 0. As manifestações antes da manifestação. Ain Soph Aur, luz sem limites, infinita luz. O incognoscível, não pode ser descrito nem medido. Não é e sempre foi.

Sem espichar muito, os livros estão aí para serem estudados e preferencialmente, praticados, vivenciados na prática. Senão é que nem ler livros de receita sem nunca preparar seus pratos. Ou namorar só lendo a carta da namorada distante... risos...

Juntando isto tudo devo admitir que deve haver rituais sem rito. Ôôps, digo, nem tudo é ritual, nem tudo é equilibrado.



Nem tudo tem um plano.

Um exemplo é o Amor.

Amor é a grande força de criação universal.

Conhecemos o Amor de várias maneiras.

O Amor paternal e maternal, que são incondicionais.

O amor fraterno, entre irmãos e amigos.

O Amor entre duas pessoas que se apaixonam. E este é um dos maiores mistérios.

O criador nos dá isto. Não pode ser criado, não pode ser destruído. Pode apenas ser vivido.

Pode-se fugir dele, enterrando coração com amarguras. Mas mesmo assim, nosso ser estará recebendo esta possibilidade, e apesar de fugirmos, nosso coração estará ouvindo aquela batida na porta enquanto a mente tenta de todas as maneiras, fechar ouvidos e toda sensação. É como tentar parar de respirar

Acho que este é um bom exemplo de algo que nos é bem próximo, e que não tem um plano. Pelo menos, não em nossa esfera alcance. Pertence a Deus, seja lá como você o chama.

.'.

Ufo não existe? Magia não existe? Deus não existe?

Não vejo, não existe.

Arte: The drowning artist (O artista se afogando)
Óleo sobre madeira, 60 x 60 cm.
Artista: Linnea Strid - Stockholm, Sweden




Alguém diz que estudou isto ou aquilo por anos então não existe!

Respondo:

O padre Quevedo estuda uma vida inteira um assunto então afirma que "isto não ecziste"!

Eu pessoalmente discordo quando pude conhecer algo por ambos os lados da questão, de forma proporcional. Caso contrário, estou aberto a dúvidas e questionamentos.

Por exemplo, Fumei durante muitos anos. Parei de fumar. Só depois que tive o mesmo tempo entre não-fumante e fumante, é que tive uma visão de ambos os lados. Atualmente fumo. Faz mal? sim, e daí?  Meu médico bebe nas refeições, e daí?

Questões que tornam-se dogmáticas, correm o risco de perderem o questionamento. O sinal mais importante da nossa linguagem é o ponto de interrogação: ?.

Quando paramos de questionar, abandonamos uma questão. Tem casos em que consideramos menos necessário o aprofundamento num determinado âmbito, enquanto noutras vezes, a investigação pode nos levar a lugares totalmente novos, experiências e aprendizados.

Quando afirmamos que algo "não ecziste", estamos cerrando nossos olhos, encarceramos a alma, acorrentamos o cérebro. Como um cão de caça, que ao invés de correr livre pelos campos, fica amarrado numa corrente, ao confortável alcance de seu dono.

Explorar o desconhecido, significa ir aonde não existem mapas. Algumas técnicas, assim como para andar na selva, ajudam um pouco, mas algumas vezes, será necessário largar a corda, arriscar a passar por águas escuras, caminhar na escuridão, tatear e abrir bem os ouvidos procurando um sopro de ar que indique a direção.

Loucura, é quando simplesmente se vai por aí, batendo a cara em qualquer árvore. Se temos olhos, audição, intuição, enfim, diversos sentidos, devemos usá-los.

E um dos princípais sentidos que o buscador possui, é justamente o coração. Se algo toca instantaneamente seu coração, observe, esteja atento.

Mas se é necessário uma enxurrada de palavras, cuidado! Temos muitos vendedores profissionais, peritos na arte da lábia, que lhes convencem que isto e aquilo é do jeito que eles falam.

Não se aprende nada de olhos fechados.



.'.
Leia outros artigos relacionados clicando nas tagas abaixo:

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Monitorar a Internet? Será?

Este é um comentário publicado na Conjur: Provedores de internet devem fazer monitoramento preventivo a respeito da criação de lei para um mecanismo de controle preventivo da internet.

Citação: "Beware of those that seek to protect you from harm or risk. The cost will be your freedoms and your liberty." (Cuidado com aqueles que querem protege-lo dos perigos e riscos. O custo será seus direitos e a sua liberdade.)

Manifestante contra o filtro da internet na Austrália

Se por um lado existe a necessidade de proteger as pessoas, por outro, temos o problema de "quem" e "com que intenções" estará fazendo esta proteção.

Temos o exemplo da Austrália, em que uma verdadeira censura aconteceu através da criação de uma lista negra de sites.

Por um lado, os problemas relativos a termos nossa vida pessoal sendo (mais) livremente acessada por pessoas de escrúpulos duvidosos, ou que sejam de linhas de pensamento/moral/espiritual/ideológico discordantes.

Outro lado da questão será de estarmos sujeitos ao agir de legítimos fofoqueiros. Creiam, assinar um termo de compromisso não muda o caráter de ninguém.

Existe o aspecto técnico e a dificuldade em avaliar corretamente que filtros e quais e como funcionariam as ferramentas destinadas a esta tarefa. Citando novamente o caso da Austrália, os casos de sites bloqueados indevidamente foram aos milhares. Sites de conteúdo legítimo,  foram barrados por puro interesse de alguém ou porque aleatóriamente ocorriam palavras aqui e ali, que eram consideradas pelo software de contole como sendo de teor perigoso, ofensivo ou ilegal. Verdadeiros disparates foram verificados.

Oportunistas de todo tipo e interesses vagos de toda espécie certamente margeiam a questão. Liberdade não é libertinagem, mas o direito de um começa quando este reconhece que os demais também tem direitos.

Se quiser pesquisar mais:  Google: Australia Internet Censorship. Observei que os sites em inglês tem muito mais informação do que os em língua portuguesa...

Windows por Linux? Dinossauros evoluíram.

Foto: Richard Mayston

Enquanto alguns consideram tendenciosa, outros tem reações apaixonadas, outras bem embasadas.

Na minha humilde opinião pessoal gostei da matéria publicada na Computerworld, "5 fatores a serem analisados antes de trocar o Windows por Linux".

Aliás, achei ótima matéria. Em hipótese alguma tendenciosa, eu diria que é bem realista e sem argumentos do tipo político partidários em ano de eleição.

O Linux tem ótimas vantagens, favor ler outras excelentes matérias aqui da Computerworld. Quem acompanha a revista e o site verá que tem material de sobra.

Não existe sistema "de grátis". E muitas vezes, quem não tem dinheiro nem para monstar a máquina, muito menos terá para pagar o salário do profissional que passa anos em treinamento continuo para depois receber MENOS que uma diarista e ainda achar que está abafando. Claro que quem não tem "papi" que lhe sustente vai pensar um pouco diferente.

Tenho aqui servidores RISC (HP-UX), Linux e Windows. Manter Servidor WIndows e Linux prá mim custa a mesma coisa e precisa profissional capacitado para ambos. Se bem que em 99,99% das vezes, é muito mais prático, simples e objetivo instalar qualquer coisa em Windows. 99,99% das vezes, tem um instalador para Windows que faz tudo. Já no Linux, haja peripécias e muitas e muitas linhas de comando. Isto se você tiver a sorte de usar uma versão certificada que combine exatamente com que se quer instalar. E sem conexão de internet, pior. Pelo menos para Windows geralmente quando precisa, vem um CD junto, não tenho preguiça de apertar o botão da gaveta... (risos)

Pera aí, linha de comando? Isto é aquilo que nós usávamos ainda nos anos 80? Mas que barbaridade... depois eu que sou dinossauro. Olha, num passado remoto, trabalhamos até com cartões perfurados, mas não temos saudade nenhuma daquilo, e custa mais caro para a empresa se eu perder um tempão dando voltas em instalações (que são mesmo) precárias (até simplórias), cheias de incompatibilidades e remendos.

Se duvida, é só olhar os milhares de foruns em que o pessoal apresenta todo tipo de problema para instalar isto e aquilo. Tem coisas assim no Windows também? Claro que tem, mas não de nível tão primário (IMHO).

O Windows ainda tem coisas que podemos (eu disse podemos) fazer em linhas de comando, mas isto não é algo obrigatório. Eu trabalho nesta área por décadas e minha missão é otimizar a disponibilizar a interação Ser Humano X Máquina para geração de resultados, produtividade, auxiliar em processos, trazer qualidade de vida e EVOLUÇÃO. Custa muito caro quando paro de trabalhar para resolver coisas que já foram solucionadas no século passado.

Quando os desenvolvedores Linux tiverem menos preguiça e entregarem seus produtos com um instalador no mínimo decente, eu serei o primeiro a aplaudir mais esta excelente ferramenta que é o Linux, mas que infelizmente, as vezes é um grande s*co de se usar.

.'.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Mais um opensource de peso pode cair.

Foto: Sputniko.com

"OpenSource é mais marketing de faculdade para não comprarem licenças.  -  Junior."

Comentário da matéria Não conte com a Oracle para manter vivo o OpenOffice do IdgNow!:

Utilizo opensource profissionalmente, mas achei muito oportuno e correto o comentário do colega Junior: "OpenSource é mais marketing de faculdade para não comprarem licenças." (Assim economizam a mesada do papi... risos...)

Aqui no Brasil, alguns dos maiores defensores e desenvolvedores do opensource e "gratisware" são funcionários de estatais, ou seja, não vivem disto e podem se dedicar ao desenvolvimento acadêmico.

Sobre os comentários a respeito do Java, que pode eventualmente deixar de ser pago, e neste caso dizem "é só mudar para outra linguagem", acho que é o típico comentário de quem só fez "programinhas" e não tem a menor idéia do que é refazer um sistema corporativo, projetos, trabalho de equipes grandes. Além dos custos, tempo e a chance de uma bagunça nos processos da empresa, e mais os prejuízos recorrentes, devem ser contados.

Java já se tornou um herdeiro do Cobol em termos de herança. Milhões de programas ficarão para a posteridade. Engraçado, dizem que Cobol está morto a trinta anos e agora também dizem que Java está morto.

Enquanto isto, meu investimento comprando licenças do Ms-Access faz uma década, para fazer o front-end de um sofisticado ERP para indústria do vestuário, parece ter sido acertado. É só conectar num servidor SQL de peso, SQL Server, Oracle, Sybase, etc e tenho estabilidade, suporte técnico, front-end de rápido desenvolvimento, a qualidade que pude criar com o imenso detalhamento de recursos que tenho com o VB e as APIs do Windows, etc. Coisa de quase 20 mil linhas de código específico para a atividade fim, sem ter que lidar (tanto) com coisas absolutamente básicas e banais. Além do ganho em produtividade, sei aonde estão os fornecedores da ferramenta 24hs por dia, sem ficar dependendo da boa vontade as vezes heróica, do trabalho voluntário de alguém.

Opensource é uma coisa boa sim, mas é necessário lembrar, que nada é grátis, nem na natureza.
.'.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Ashtar Sheran e Consciência de Abundância

Sunny's UFO
  Foto: Les Flynn
Homepage: http://sunny-drunk.com

Ashtar Sheran é ao mesmo tempo um ser muito evoluído que nos visita, e um personagem de ficção místico religiosa.

Partes dos ensinamentos de sua linha foram mescladas por alguns, que juntaram doutrinas esoteróides, chegando a resultar em sistemáticas até bem castradoras e repressoras, com moralismos dignos de algumas das mais fechadas religiões ortodoxas.

Não creio que Ashtar pregue a libertinagem, mas sabe-se que o convívio saudável não faz parte da tirania, sendo-lhe avesso.

Cuidar da evolução pessoal é uma coisa. Doutrinação "psico-dogmático-moralista" é outra.

Existem alguns grupos que tem um belo trabalho com estes seres.

Sobre Federação Galáctica, realmente não existe. Existe o bem e o mal em toda parte e, a quantidade de grupos entre um lado e outro é muito grande.

E antes que alguém pergunte, já que citei moralismos, dogmas, etc., é claro que sexualidade feliz e prosperidade material fazem parte de uma consciência de abundância. A pergunta é simples: sem considerar diferenças de formas econômicas, alguém aí parou para pensar quanto custa para construir e manter uma nave daquelas? Economia intergaláctica existe de alguma maneira, mesmo que seja algum interessante sistema de trocas.

Temos o exemplo local. Por muito tempo, as modernas civilizações escravagistas pensaram que os antigos fossem da sua maneira, portanto acreditou-se por séculos que as pirâmides foram feitas por escravos. Mais recentemente, descobriram que todos eram pagos, e muito bem pagos, num trabalho em que vinham pessoas de todas as partes.

Um escravo NUNCA vai fazer algo com verdadeiro Amor.

Post publicado em resposta a tópico no Orkut.

.'.
Leia outros artigos relacionados clicando nas tags abaixo:

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Por que videntes veem tantas tragédias

Alguém perguntou: Por que os videntes parecem ver só tragédias"?

Bem, eu diria que as coisas boas são fáceis de serem esquecidas. São feitas boas previsões, mas estas não costumam ser boas notícias para vender jornal.

A maioria das pessoas vai lembrar por anos por ter torcido o pé. Mas vão esquecer rapidamente os carinhos recebidos.

Da mesma forma, na hora do aperto, correm em busca de auxílio, mas quando estão bem, a primeira coisa que esquecem é de voltar para agradecer a quem lhe ajudou!



em 04/06/2009



Diferenças de Estudo dos Quatro Elementos

Todo universo baseia-se nos quatro elementos naturais: Terra, Água, Fogo e Ar.

Mas de acordo com a posição do observador, teremos diferentes manifestações, nossa percepção descobrirá facetas e características.

Qual qualificação é correta?

Em que caso usar qual sistema?

Fogo. Foto: Elin Ivemo
Tudo depende do observador e do sentido que se propôe. Existem diversas qualificações, dependendo do que estamos fazendo.

Você deve primeiro de tudo, perguntar-se o que pretende estudar. E se comprometer com isto. O compromisso é teu apenas, de ninguém mais.

Se quer aprender astrologia, estude esta atribuição. Conheça as relações entre os elementos e os ciclos dos planetas e de que forma, mutuamente estes se inter-relacionam. Por quê o fogo afeta a órbita de um planeta enquanto outro é mais afetado pela água?

Se quer estudar filosofia, estude os antigos mestres e os atuais.

Aprenda retórica e matemática. Mergulhe nos significados da palavra e dos predicados.

Se quer aprender sobre si mesmo, vá meditar.

Se quer aprender shamanismo, estude os livros que achar, mas jamais pense que isto substitui entrar na mata e aprender a conversar com os animais, plantas e rochas. Conhecer os elementais é fundamental. Então gradualmente irá iniciar a jornada rumos aos demais planos, a realidade que está além desta.

Cada uma das atribuições tem sua própria finalidade.

Que elemento corresponde a cada estação? Se você quer aprender sobre os elementos, deve aprender a buscar as relações existentes entre as coisas.

  • Inverno=Frio, úmido = Terra
  • Outono=Seco, vento = Ar
  • Primavera=quente, úmido, Água
  • Verão=Quente, seco = Fogo
Note que estas atribuições podem ser interpretadas de forma diferente por outros povos. Por exemplo, os chineses consideram cinco elementos.

Se pensar um pouco, perceberá que todos elementos formam um ciclo. E que estes ciclos estão representados no zodíaco. E nas cartas do Tarot, e na Cabala, e em todas ciências ocultas ou não.

Este esquema pode ser diferente, e realmente o é. E não é o único.
Veja, um observador que jamais tenha se afastado dos trópicos, terá uma percepção do ciclo de chuvas e secas. Já o astrólogo, atento a ciclos maiores, terá outra divisão.

Portanto, em que caso usar qual sistema? Isto vai depender do "caminho" que você decidir trilhar. Ele será a sua linha de trabalho e que deverá nortear sempre que possível e adequado, seus estudos e atividades.

Se você escolher um sistema num dado momento, e logo mais, optar por outro, não conseguirá nunca uma percepção real dos ciclos e das relações dos elementos.

Os mesmos caminhos tem muitas formas de serem seguidos.
Mas o principal é o caminho escolhido seja feito com sincero agradecimento porque aqueles que sempre dizem que nunca precisaram de ninguém, apenas provam que são como parasitas e nada sabem fazer exceto mentir e roubar para viver as custas dos outros algo que nunca foi seu.

Jamais seja um charlatão de sua própria vida porque enganar os outros nada vai trazer para você além de um prato de comida.
Um mendigo será mais honesto e terá uma vida mais honrada que qualquer charlatão.


Já vimos pessoas que colocam o planeta de cabeça para baixo, invertendo os signos zodiacais por causa do hemisfério, esquecendo-se com isto, que estão olhando esta esfera "fora" do próprio zodíaco.

Isto foi debatido longamente na lista de debates Arte Magicka alguns anos atrás e foi bem interessante.

Voltando aos elementos, fiz questão de comentar sobre a diferença de ponto de vista entre diferentes pontos no planeta, pois você terá um mesmo conhecimento, porém sob "diferentes sistemas".

E o que é um sistema? Não vou lhe dar a explicação como analista de sistemas, o que estaria em desacordo com minha profissão, mas falemos do conjunto de elementos inter-relacionados.

Se você estiver no deserto, o fogo é o sol, o dia, o ar é o vento e a água, a chuva. A terra, aos céus pés, apenas recebe os demais. Isto é fácil.

Mas, se você estiver na selva tropical? A terra úmida e quente, o vento úmido lhe cozinha em pé. O sol, mal aparece entre as árvores a água, está tão presente em tudo que é difícil saber aonde é o rio e aonde é a chuva (risos).

Vamos então aos símbolos dados aos elementos, aqueles em forma de triângulos. São um bom caminho de estudo intelectual. Observe como se colocam. Suas poucas linhas representam todo o ciclo de manifestação.

Ao citar o Tarot, temos as atribuições zodiacais, porém, aí é importante lembrar que "o zodíaco não muda de lugar", mas as estações do ano sim, pois nos adequamos ao local em que estamos.

Quando é primavera no hemisfério sul, é outono no norte e assim por diante.

Algumas festividades pagãs, como as que se relacionam a colheita, são adaptadas por nós para refletir "a estação do ano". Outras, obedecem ao ciclo de início de ano que está sob uma égide superior e que, queira ou não, têm data certa.


Gilberto Prabuddha 
03/Março/2006


.'. 

Leia outros artigos relacionados clicando nas tags abaixo:

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Como Manter o Conhecimento por Milênios

Referente a um debate recente na comunidade Sociedades Secretas no Orkut, sobre origens da raça humana, e a possível participação de extraterrestres em nossa linhagem, os participantes questionaram sobre as fontes da informação, outros sobre sua validade e outros ainda, complementaram com outras fontes a estudar.

O assunto em si é interessante, mas me ocorre de comentar justamente a questão da transferência (passagem) da informação entre gerações e gerações:


Meu comentário:

Parte destes relatos tem origens corretas, mesmo que em frações.

Claro que nem sempre, as muitas revisões subsequentes serão fiéis ao original, até mesmo porque, bastam três gerações para que um conhecimento passado verbalmente esteja muito distorcido.

Este é um dos motivos pelos quais alguns iniciados fazem um trabalho de ancoragem de egrégora, ajudando a manter o registro do conhecimento e validando as informações passadas para que sua essência não se perca.

Junta-se desta forma, a tradição oral, digamos, com pontos de ancoragem que ocorrem de tempos em tempo.

A Hermética Ordem da Pedra Cúbica é uma das que tem essa finalidade, é como um colegiado de mestres.

Sobre o Paulo Coelho, a quem tenho o maior respeito, ele é o responsável por uma abertura na divulgação e no interesse de milhões de pessoas em buscar conhecimento. Não creio ser tão importante o que ele disse, mas a intenção que foi usada e permitiu que hoje se possa entrar numa livraria sem ter medo de estar sendo perseguido.

Claro que existe uma grande babel de escritos mau feitos, autores que copiam uns aos outros, sem falar nos puramente insanos que falam qualquer coisa em para recolher moedas dos incautos.

No século XIX, Papus já falava a respeito, quando disse que a falta de fontes confiáveis, e as cópias eram tão absurdas, que era uma temeridade tentar se buscar a origem de boa parte da Enciclopédia Britânica!
Mas esta miscelânea, apesar de atrapalhar, também ajuda, por um lado, a separar os sinceros buscadores, aqueles que sabem que toda caminhada tem um preço a pagar, um esforço a ser feito.

As melhores frutas, estão nos galhos mais altos. O ar mais puro, está no topo das mais altas montanhas.


Gilberto Prabuddha+ 
14/Junho/2010



.'.

Leia outros artigos relacionados clicando nas tags abaixo:

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Conspiração no Mundo Eletrônico

Um pouco de humor e assunto sério, para variar um pouco. Comentando sobre duas empresas rivais, de produtos musicais, que simultaneamente colocaram a letra F no código de seu produto, teci o seguinte comentário em que, podemos brincar com assuntos que são interessantes, e ao mesmo tempo, ver como se pode transformar em alarde e teoria conspiracionista praticamente qualquer coisa.



O que existe por trás de uma letra? No caso, um conhecido teste psicológico nos dá algumas dicas:

Execute o teste abaixo rapidamente. Conte quantas letras "F" existem na frase abaixo. Conte mentalmente sem usar os dedos, apenas olhando.

FINISHED FILES ARE THE RESULT OF YEARS OF SCIENTIFIC STUDY COMBINED WITH THE EXPERIENCE OF YEARS.


.



Contou? Somente leia abaixo após ter contado as letras "F".




Contou?

Quantos??? 3-4???










Resposta: na verdade são 6 (seis) !
Leia mais uma vez com atenção.



O que ocorre é que o cérebro não consegue processar a palavra "OF". E não faz diferença se você fala ou não inglês

Quem conta todos os 6 "F" na primeira vez é um "gênio".


O que isto nos indica? Fabricantes lançam produtos concorrentes e seus códigos passaram a conter a letra ´F´!


Será que estão nos dizendo que não devemos notar as diferenças, ou é uma forma de acharmos que algo é diferente quando na verdade não é?


Por milênios as forças ocultas manipulam as mentes humanas. O vocabulário dos povos é controlado severamente de forma a assegurar um limitado nível de entendimento pelo cérebro das pessoas. Certos
conceitos são simplesmente desconhecidos porque não existem palavras correspondentes.

Alguns exemplos são conhecidos, pois parecem não afetar tanto as pessoas, mesmo que elas estejam percebendo que algo estranho está acontecendo.

Veja, a palavra "saudade", só existe aqui. Americanos, europeus, asiáticos comentam o quanto os encanta a descrição do sentido desta palavra, mas e apenas uma explicação. Resultado, somos um povo emotivo, mais facilmente manobravel por um simples sentimento.

Por outro lado, os norte-americanos tem uma cultura mais dominadora. O máximo que eles possuem semelhante a saudade é "miss", sentir falta. Eles dizem: "I miss you", como quem diz, sinto sua falta. É algo territorial, como um móvel faltando na sala. Não é emocional.

Exemplos bem conhecidos são os inúmeros usos, positivos, neutros e negativos da palavra FUCK!!! Em inglês, isto pode ser um xingamento, um elogio, uma manifestação de prazer, uma piada, uma ofensa, etc.
Osho fez uma muito humorada palestra a respeito, só achei o áudio, mas  já assisti em vídeo, é muito engraçado se não tivesse uma verdade terrível por trás disto tudo:
http://www.youtube.com/watch?v=LMjPMbodp44

O que seria tão terrível numa letra, se já não bastasse a manipulação dos cérebros humanos?

A Cabala é uma das pistas de que dispomos.

Frater Francis Bacon e outros grandes místicos deixaram legados importantíssimos. Por exemplo, uma apresentação sobre as maneiras que eram cifrados seus textos, para que cabalisticamente grandes ensinamentos pudessem permanecer velados aos profanos é muito sugestivo. Observem nos exemplos do texto, que os valores atribuídos a letra F variam conforme a necessidade, assim como das demais letras.
Mas se buscarmos as reduções (vide Papus) e a Gematria, veremos que as correspondências no alfabeto hebraico estão muito além do alcance mundano.

A ciencia da geometria fractal nos demonstra este tipo de ação, em que um pequeno ato pode conter a essência de algo que mudará todo um futuro.

Os poderosos disto sabem, pois a eles lhes foi dado o saber, a fruta da sabedoria.

Mas o conceito de mal e bem, da árvore da vida, está noutra esfera.

Vejam, ao impor suas vontades sobre estes instrumentos, de forma sutil estão influênciando a produção musical, e portanto cultura, emocional, produtiva de pelo menos uma geração inteira.

Acaso alguém já parou para analistar as formas das placas de circuito impresso pelo aspecto da radiônica e da ciência das formas? Potencias sobre potencias são manifestadas! Um letra, é tanto um projetor de
formas pensamento, quando de manifestações eletronicas em níveis desconhecidos pelos cientistas comuns, que dizer, dos parcos conhecimentos dos enegenheiros.

A humanidade caminha, e sob os vigilantes olhares dos irmãos maiores, dificilmente podemos fazer outra coisa senão sobreviver. Os que puderem, levantem-se e manifestem sua verdade. Mas lembre que apenas a
pureza resiste ao clarão da luz.


.'. 
Leia também: 
.'.

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Por que toda sociedade secreta tem um rito

Fiz o seguinte comentário em tom humorado numa comunidade do Orkut.


Order of the Antelope.
Foto: BuckarooBob

Temos o ritual da comida e da bebida. Só podemos ir ao banheiro depois de comer e beber.



Tem a simbologia toda associada ao processo. Ao pegar a lata de sardinha, meditamos sobre o fato de que as coisas tem conteúdo interno e externo. Estará a lata com algum conteúdo ou será nossa percepção apenas um pensamento da essência cósmica que se manifesta e através do toque do metal (da lata de sardinha), somos conectados com a mesma energia ancestral que os samurais manipulavam com suas hábeis espadas?

Inevitável o rito para nos despertar, como as abluções faciais diárias (lavar o rosto) para nos despertar do sono e entrarmos neste plano de realidade em que o sonho é sonhado como sendo realidade e a realidade sonha com o sonho?

Sem o ritual não haveria o despertar dos chakras e sua conexão com as energias recebidas cosmicamente da emanação celeste que a tudo cria, fortalece e multiplica.

E alguns outros motivos do rito, atendendo a pergunta inicial, são:

1) Todos os passos, além de prepararem o candidato, psicologicamente, emocionalmente, energeticamente, fisicamente, etc, ajudam a evitar que percamos tempo com gente que vai começar e desistir logo.

2) Rituais longos e complicados também são ótimos porque tem várias oportunidades para o candidato desistir e sair correndo porta afora.(risos....)


Aproximar-se dos guardiões exige respeito e preparo.
Foto: Emjaysea





.'.



Leia Também:  
Artigos sobre Sociedades Secretas.
Artigos sobre Meditação

.'.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

O ouvido dos Xamãs

O ouvido dos Xamãs
Gilberto Prabuddha

O xamã (ou shaman) é alguém que ouve a natureza e pergunta para a grande Mãe Terra sobre todas as coisas,
as criaturas que aqui vivem,
as pessoas e suas motivações, o porque de tudo.
O porque de cada coisa do universo é descoberto e sentido como parte da vida, da euforia, da alegria, da saúde.
A doença, quando surge, é porque por algum motivo, acontece um afastamento das fontes naturais de equilíbrio.
Cada estrêla do céu é uma luz que está dentro de cada ser. Toda pessoa nasce com luz própria.
Chame de energia vital, de espírito, de aura.
As diferentes manifestações do mesmo inegável princípio.
A ação daquele que tem muitos nomes.E se todos nomes são o nome de Deus,
então naturalmente o xamã veste-se como animal ou ave,
e cantando e dançando com alegria e verdadeira ciência, une-se ao tipo de energia de que precisa para trazer o equilíbrio e restaurar a saúde.

Saúde é muito mais do que um corpo sadio.
São as emoções, a alegria, os pensamentos equilibrados,
a prosperidade e abundância.
Porque pobreza e avareza são das piores doenças. Esbanjamento inútil também.
Mas desfrutar da abundância da qual fomos providos
pela existência, é a chave para a harmonia.
Equilibrar trabalho e repouso.
Repousar significa abastecer o corpo, a mente e o espírito com algo de verdadeiro valor, de acordo com sua espécie. Carinho, diversão, aventura, conhecimento, riso e canto.

Pobre do que olha uma ave feito gente
e não lhe compreende.
Um xamã aprendeu a arte de conversar com as coisas. 
Recorda São Francisco de Assis?
O santo xamã, que conversava com as plantas,
com os animais e aves.
Ele conversava com as pedras e estas lhe contavam as maravilhas dos outros lugares.
Talvez, o xamã ao invés de aprender mais e mais, simplesmente deixe de saber tanto,
e passe simplesmente a ouvir.
Um pássaro canta, o rio passeia.
Os livros também falam.
Mas a textura, está nas árvores.
O sentido, na vivência.

Paz no Coração.



Nova Era: Convite às Mulheres


Nova Era: Convite às Mulheres

Gilberto Prabuddha


Os novo ciclo já começou fazem algumas décadas. A energia do planeta passa por uma mudança que move a vida.

Por milhares de anos a energia global esteve nas montanhas dos Himalayas e agora, transferiu-se para o outro lado do planeta, para a Cordilheira dos Andes.

E da mesma forma, depois de milhares de anos de energia masculina dominante, as mulheres estão iniciando um período de natural intuição e criatividade.

Se por um lado as mulheres, ou a porção feminina é criativa e intuitiva, os homens, ou a porção masculina é racional e lógica. Ambos em suas mentes e corpos funcionando de maneiras similares, mesmo que algumas feministas radicais ou algumas religiões e culturas arcaicas ainda queiram que a humanidade seja apenas comparada apenas por órgãos genitais.

Por que a criação, Deus, ou o universo, como queira chamar, perderia milhões de anos na polaridade, se apenas parte dela fosse um diferencial?

Homens possuem uma porção feminina, assim como as mulheres têm seu lado masculino.

É da natureza masculina a força bruta e é próprio da parte feminina a beleza e a criação. O quanto cada aspecto se manifesta indica o grau de evolução de cada ser.

Toda pessoa que utiliza sua criatividade, que a desenvolve de forma consciente, vai ter sua feminilidade estimulada e trabalhada. No caso das mulheres, como graça e beleza nos seus atos. Nos homens, como gentileza, suavidade.

Quando se estimula a energia de ação, o princípio masculino é exercitado, e faz com que o homem seja mais enérgico e a mulher, mais decidida e segura.

Um complementa o outro. E um é diferente do outro.

Se você olhar o símbolo do Tao, dos princípios Ying e Yang verá que se interpenetram e que dentro de cada um, está um pequeno círculo indicando a presença do outro em essência e semente. Um torna-se o outro.

No sexo tântrico, homem e mulher se fundem, e tornam-se um só. E conhecem Deus em si mesmos.

Mas a maioria da humanidade ainda está dividida, o processo de transformação e mudança para esta nova era, que já começou, não acontece do dia para a noite.

Nos pequenos atos de cada ser, estão contidas as pequenas chaves que abrirão as portas de cada célula de seu coração, cada partícula de sua energia para uma nova sintonia.

Vemos no mundo inteiro que as pessoas estão se agrupando, que existem de forma cada vez mais clara, os grupos místicos, igrejas e religiões com seu próprio conjunto de princípios e regras e crenças. Isto é um processo natural de sintonia das pessoas.

A religiosidade aos poucos está se manifestando de uma forma sutil e o fanatismo e intolerância aos poucos torna-se em compaixão e compreensão. Existem milhares e milhares de caminhos para Deus. E as pessoas estão dando-se conta que nada adianta preocupar-se se outra pessoa tem uma fé diferente da sua. O que está em conta, é se cada pessoa tem uma fé. E a fé é o princípio manifestado do amor. Ninguém tem fé em algo que não ame. O amor chega primeiro.

E o que é o amor? Energia feminina. Por isso as mulheres sempre são as primeiras a perceberem as mudanças. Normalmente são as mulheres que chegam primeiro quando surge um mestre. E os homens, quando chegam primeiro, é porque já descobriram sua intuição, ou já tem um grau suficiente de evolução.

Agora, depois de tanto tempo, a intuição que é uma energia feminina, confunde os homens. Porque? Porque o homem atua de forma racional, a frieza da lógica o limita a pensar em termos de passo A, depois o passo B, o passo C, e em força bruta. Já a intuição, junta tudo de uma vez só e apresenta um resultado instantâneo. E isto vêm junto com um sentimento de feminilidade. É natural então que os homens confundam-se quando algo dentro deles comece a falar com uma certeza irritante e completamente desconcertante.

Isto não é fragilidade. É o princípio divino surgindo. E reconhecer a própria fraqueza é um parte do processo de cura e evolução.

Graça e beleza, juntam-se à força.

Os modelos de boneca, princesinha indefesa e Cinderela, já não servem mais. Temos a doçura e a beleza, mas que surgem de forma integrada e num nível maior de evolução.

Então, o convite que faço a todas mulheres, é que usem a intuição, para lembrar que os homens estão renascendo, que algo muito grande está surgindo.

Vocês estão vendo nascer uma nova civilização planetária e são abençoadas por isso. A benção de poder participar de forma ativa neste processo e escolher por si seus caminhos e ajudar no parto destas novas crianças.

Da mesma forma, as mulheres também estão mudando. O que se passa, é que a mulher é a própria flexibilidade, mas o homem é rígido, por isso, quebra facilmente. Uma mulher com dores atrozes continua trabalhando e cuidando dos demais. Um homem com um simples resfriado fica de cama completamente frágil e indefeso. E estes extremos aos poucos vão se fundir, não numa raça hermafrodita, porque o sexo é absolutamente natural, mas chegarão a um estado de equilíbrio e colaboração mútua.

Desta colaboração já surgem as novas crianças, que de uns poucos anos para cá, todos percebem serem muito mais inteligentes. É delas este mundo. E é nosso trabalhar e desfrutar dele também.

Através da meditação entramos em sintonia com o silêncio, com a energia universal. Descobrimos o Sol e a orientação divina. Percebemos a chegada do mestre e sentimos a energia de cada flor que nos agracia com sua suavidade.

A meditação em grupo nos possibilita trabalhar para que todos alcancem um grau maior de percepção, pela multiplicação da energia envolvida.

De certa forma, estamos nos tornando como anjos, de carne e osso, mas plenamente conscientes de que primeiros devemos trabalhar na terra, cuidando de nossos corpos, de nossas casas, nosso trabalho, e formando assim, a estrutura de que precisamos para ancorar na terra esta nossa realidade, nossa própria criação.

18/06/2000
.'.



Algumas republicações:
.'.

Leia outros assuntos relacionados clicando nas tags abaixo:

Plantas Mágicas no Armário da Cozinha

Rice
Foto: 
pra4masoul - Bulgária


Plantas mágicas no armário da cozinha

Desde as exóticas plantas usadas para elevar as vibrações dos ambientes ajudando a canalizar as forças invocadas, vamos encontrar no dia a dia, a possibilidade de despertarmos para uma vida cheia de magia.

O arroz, a ervilha e o milho, além de sagradas para muitos povos, são utilizadas em magia. Quando usadas com consciência de suas potencialidades, passamos a nos beneficiar em tempo integral elevando nossa vida de um comum cotidiano, para um despertar de energia. Perceber que a magia está em cada simples gesto de nossa vida. Seja para confeccionar um amuleto a ser presenteado para alguém que estimamos, seja para cozinhar colocando energia de vida e prosperidade no que fazemos, criamos um ato de amor completo.

Algumas atribuições das plantas para encantos, talismãs e para preparar invocando boas vibrações para oferecer aos seus queridos:

 
Ervilha: É boa para o dinheiro e amor. É feminina (Yin), corresponde ao elemento terra, regida pelo planeta Vênus.

Arroz:
Para dinheiro, fertilidade, proteção, chuva. Lembre da chuva de arroz para os noivos. É uma planta masculina (Yang), corresponde ao elemento ar, regida pelo Sol.

Milho:
É para sorte, proteção e adivinhação. É feminina (Yin), devotada à deusa do milho, corresponde ao elemento terra, regida pelo planeta Vênus.

Hortelã-pimenta (menta):
Para amor, dinheiro, viagens, proteção e cura. É uma planta masculina (Yang), corresponde ao elemento ar, regida pelo planeta Mercúrio.

Canela:
Usada de várias formas, em pó, óleo ou incenso. Conhecidamente aplicada para dinheiro e prosperidade, esta planta é muito boa para espiritualidade, sucesso, purificação e cura, energia e força, poderes psíquicos, prazer, amor e proteção. É uma planta masculina (Yang), corresponde ao elemento fogo, regida pelo Sol.


.'.

Gilberto Prabuddha, 2001

Republicado pelo site Email Místico

Passos dados. Passos que virão.

Neste blog republico também trabalhos publicados desde a década passada, na antiga revista BuddhaZine (1998-2001) e no site do Geocities que deixou de ser mantido, foruns de debates, etc.

De vez em quando encontro alguns destes textos noutros sites e espero que ajudem as pessoas na sua caminhada.

Também decidi posteriormente, unificar os demais blogs, pois tudo que faço é parte do meu Trabalho.

@Direitos autorais reservados: Caso algum dos meus textos seja utilizado ou publicado noutro lugar, lembre que todo este material tem direitos autorais registrados, portanto, é obrigatório citar a fonte com os devidos créditos.ou solicitar autorização conforme o caso. A utilização indevida será cobrada pelas leis humanas, kármicas e mágicas no mais amplo escopo. Nem eu, nem os deuses, nem qualquer das forças da criação precisamos ver para saber o que você fez.

Gilberto Strapazon .'.
(Swami Anand Prabuddha)

Quem disse que tartaruga não sobe em poste?

Isto é algo que dizem que tartaruga não faz!

Nem sempre as coisas são impossíveis. O que falta, são um desejo profundo de realizar algo, acreditar no seu sonho e lutar por ele.

Assisti um documentário, acho que na Discovery, de um cego que subiu as montanhas do Himalaya. Claro que teve ajuda para não se perder, mas ele tinha que caminhar pelas próprias pernas.

Eu mesmo dou um entre vários exemplos: Não sou atleta, pelo contrário. Mas cheguei sózinho  no topo de uma montanha no Chile, depois que as demais pessoas do grupo, cerca de 15, todas atléticas, bem sarados, tipo modelos, ou mais jovens, superconfiantes, autoestima lá em cima, muitos se achando mais "f*da" que os outros, etc, desistiram solenemente a cerca de 100 metros do topo. O obstáculo intransponível para todos eles? Uma barreira de vegetação. Só precisava dar alguns passos mais para o lado.

Não despreze alguém que tenha metas na vida ou poderá se surpreender.

Veja o que esta outra tartaruga fez, ela deve ter um sonho na vida:


.'.
Leia outros artigos relacionados clicando nas tags abaixo:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...